Notícias

30 de abril de 2019

UTI do Hospital Municipal sofre com falta de materiais




A UTI recebeu recentemente certificado de qualidade da Associação de Medicina Intensiva Brasileira

A UTI do Hospital Municipal de Natal está sem materiais básicos de higiene. De acordo com denúncias recebidas pelo Sindsaúde, faltam papéis-toalha, luvas e copos descartáveis. Na sala de repouso, os colchões estão velhos e sujos, o que favorece a proliferação de ácaros e compromete a saúde respiratória dos servidores.

Além disso, pacientes com tuberculose ficam no salão da UTI e não são levados diretamente para o quarto de isolamento, medida mais adequada pela gravidade da doença.

O descaso com a saúde pública também de estende pelas Unidades Básicas de Saúde, como na UBS de Cidade Satélite, que foi inundada durante a forte chuva que caiu na quinta-feira (25).

Essas são as condições de trabalho que a Prefeitura garante aos servidores. O Sindsaúde cobra providências do prefeito Álvaro Dias  (PDT) e exige respeito aos trabalhadores da saúde.


 

Autor: Comunicação Sindsaúde

Boletim Eletrônico

  • Digite o código: 1547

  •