Notícias

28 de maro de 2019

Servidores da saúde de Natal aprovam Dia Municipal de Luta contra os ataques do prefeito Álvaro Dias (PDT)




Sindsaúde-RN convoca demais categorias para construírem a luta unificada no 16 de abril

No dia 22 de março, os servidores da saúde municipais, municipalizados e novos concursados da prefeitura de Natal, participaram de uma assembleia, no auditório do Sindsaúde-RN, como parte das atividades do dia Nacional de Lutas, Paralisações e mobilizações contra a reforma da Previdência. Na assembleia, a categoria discutiu sobre os efeitos da reforma da Previdência na vida da classe trabalhadora e suas pautas específicas, como a Data-Base da categoria.

A categoria também discutiu os ataques do prefeito Álvaro Dias (PDT) com a continuidade da política do ex-prefeito Carlos Eduardo, de arrocho salarial, redução de salários, não cumprimento da implantação dos adicionais e gratificações, do corte do adicional de insalubridade e do não cumprimento da lei da data base, penalizando e impondo perdas aos servidores como no caso dos servidores do plano geral.

Nos encaminhamentos, os servidores aprovaram um dia municipal de luta contra os ataques do prefeito de Natal, para o dia 16 de abril. “O prefeito tem atacado de forma isolada os trabalhadores de várias secretarias. Por isso, nós precisamos fazer um chamado à luta unificada dos servidores da saúde de Natal para construir a luta contra a reforma da previdência, mas também para enfrentar o prefeito Álvaro Dias e seus ataques, e preparar uma Greve Geral nessa cidade”, declarou Flávio Gomes, Coordenador do Sindsaúde-RN.

A categoria também aprovou reuniões nos serviços de 24 horas, a participação nas pré-conferências de saúde e uma comissão com a base para ir à Câmara Municipal de Natal para cobrar uma audiência sobre a Data-Base.

 

 

Autor: Comunicação Sindsaúde

Boletim Eletrônico

  • Digite o código: 2235

  •